É uma puta portuguesa, concerteza

Já se passaram alguns anos desde que Filipão, o treinador da nossa selecção fez despertar o orgulho nacional fazendo com que se pusessem bandeiras nacionais em todas as janelas das nossas casas, no sentido de apoiar os nossos futebolistas. Certo é que muitas bandeiras envelhecidas pelo tempo e pelas intempéries ainda continuam nas janelas talvez para perpetuar o mito de El-rei D.Sebastião que um dia vamos mesmo ganhar a taça numa partida em que o nevoeiro não deixe os adversários ver a bola ou então e isto numa perspectiva mais realista quererem mostrar a nossa preguiça crónica que nos leva a nada fazermos.
Há uns anos atrás era comum as prostitutas de estrada colocarem um pano vermelho numa árvore a anunciarem que ali havia serviços sexuais disponíveis. Ultimamente nas minhas viagens tenho constatado que agora muitas delas colocam uma bandeira portuguesa para anunciarem os seus serviços e pensei:- Será que as nossas putas portuguesas se uniram e querem promover uma imagem de marca acerca dos seus serviços à semelhança do que anteriormente se anunciava e cuja intenção era provar que “O que é nacional é bom”?
Se a moda pega em breve estaremos com bandeiras de vários países, para uma oferta variada de serviços sexuais para todos os gostos.Sinceramente não gosto de ver um símbolo nacional, que aprendi a respeitar e a amar ser usado desta forma, e acho que o nosso governo devia preocupar-se com isto e arranjar alternativas tais como fornecer panos vermelhos com dizeres tais como: “Usamos preservativo e lutamos contra a Sida”. Isto sim seria uma imagem de marca e de consciência nacional da qual nos deveríamos orgulhar. É que gasta-se tanto dinheiro em campanhas de prevenção contra a SIDA, que mais tarde os nossos responsáveis vêem reconhecer que não cumpriram os seus objectivos e não se têm ideias simples e baratas que podiam dar excelentes resultados na prevenção e consciencialização contra esta pandemia que tantas mortes causou e continua a causar. É que a SIDA existe e pode acontecer a qualquer um, e é bom que ninguém tenha dúvidas sobre isso.

4 comentários:

Deva disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL
Ruru no seu melhor!

Ru2x disse...

Doida :)

Deva disse...

Tu é que escreves e eu é que sou a doida???!!!!
Olha lá, tens lido os meus drafts?
Veijvs
p.s. - a propósito dos comments no post anterior - também podes ligar pra eu, apesar de tarmos nus mesmo país. Algo contra?

Ru2x disse...

Nada contra telefonar-te,quando tiver insónias.Este coment legitima qualquer eventual telefonema que te possa fazer ás 3 da matina hora de Portugal :)
Claro que leio os teus drafts e tudo o que escreves,sabes que sou fã das tuas escrividuras.Veijos