Ninguém Está Imune





“Para mim, é inconcebível que no ano 2007 ainda haja necessidade de designar um dia anual para marcar uma pandemia de saúde que atingiu proporções globais e que continua a reinvindicar milhões de vidas por ano.

A minha memória da crise vem já de há mais de 25 anos atrás, quando casos inexplicados de nódulos linfáticos dilatados em homens gay foram observados por médicos pela primeira vez. Ninguém sabia o que isto era nem como o travar.

Em 1983, eram descritos casos de SIDA em 33 países, responsáveis pela morte de mais de 2000 pessoas. Desde então, bem, as estatísticas são assombrosas.

Uma estimativa de 33.2 milhões de pessoas em todo o mundo vivem com VIH. Em 2007, 2.5 milhões ficaram infectados e 2.1 milhões morreram vítimas de SIDA, de acordo com um relatório das Nações Unidas publicado na semana passada. Nos EUA, a comunidade negra é particularmente vulnerável. Os Afro-Americanos, que constituem 12% da população americana, são responsáveis por quase 50% de todas as infecções, de acordo com o CDC (Centre for Disease Control ou Centro para o Controlo de Doenças). A taxa de diagnósticos de VIH/SIDA entre mulheres negras é 20 vezes a das mulheres caucasianas. O mundo reconhece agora a ameaça que o VIH/SIDA representa para todas as nossas vidas.

Então o que é que nós fazemos enquanto aguardamos pela cura? Falamos com uma pessoa jovem. Nós temos uma geração de pessoas jovens que não acredita que possa estar em risco, que não acredita que precisa de usar preservativo, que não se consegue lembrar de uma época em que não existiam fármacos disponíveis para tratar o VIH. E nós temos que ter esperança por toda a humanidade: ninguém está livre desta pandemia, e ninguém é imune.”




Elizabeth Taylor fundou a sua Fundação VIH/SIDA em 1991 e é co-fundadora da Fundação para a Investigação da SIDA, a quem dedicamos esta sentida homenagem, pelo maravilhoso ser humano que demonstra ser, a cada dia que passa, numa vida já longa e repleta de sentido.

41 comentários:

Nela disse...

Este fim de semana, vi um filme muito bom sobre os primeiros anos da sida. É provável que o conheçam, mas para mim foi uma novidade: E A BANDA CONTINUA A TOCAR. Penso que é de 2006 (vi em DVD) e vai até ao primeiro caso registado nos EUA.
Recomendo

Beto disse...

Paulo

Sempre soubeste que a Elizabeth Taylor é a minha diva.

Agora, mais do que nunca entendes porquê.

Gostei muito desta tua homenagem.

Um abraço para ti e outro para o Raúl, deste vosso amigo.

P.s. Aos poucos vou aprendendo a mexer nisto, depois de me teres ajudado a criar os acessos... Não percebo nada de blogues.

M. disse...

Nós temos de ter esperança por toda a humanidade. Muito verdadeiro. E tal como afirmei no coment sobre F. Mercury, reafirmo que pessoas como tu Paulo, e o Raul, são a esperança sob a forma de grito, os heróis de agora e de vida repleta de sentido, de missão para cumprir e é a vocês e aos que estão para vir que eu aplaudo e homenageio com a dignidade que merecem.

Beijos

Biby disse...

OLá Paulo e Raul!
Os jovens (e os menos jovens) acreditam estar imunes á doença e eu raramente vejo na televisão algum anuncio sobre a SIDA ou então são anuncios tão "estranhos" que os mais desatentos não os percebem.
O vosso blog é um exemplo sobre como se pode chegar a muita gente, alertar, ajudar a prevenir ou a apoiar quem já está infectado e por isso merecem todo o meu carinho e solidariedade.
Deixo um beijinho de melhoras para o Raul e outro especial para o Paulo :)

SILÊNCIO CULPADO disse...

Paulo
Que poderei dizer-te que já não tenha dito?
Falas de Elisabeth Taylor. Ora ela contracenou e foi amiga de pessoas que eram sex symbol masculinos como Rock Hudson e Richard Chamberlein. Inclusive chegou a constar (ela fazia por isso) que ela tinha um caso amoroso com eles. Só mais tarde se soube que eles eram gays e que a fama de machões era dada por Elisabeth Taylor, Sofia Loren e outras amigas que pretendiam defendê-los duma inevitável quebra de receita das bilheteiras caso a verdade fosse conhecida. Rock Hudson morreu com Sida.
É pois importante que as pessoas se solidarizem com as causas e não deixem morrer a dinâmica daqueles que, sendo apanhados pela doença, não desistem de lutar pela prevenção e pela dignificação da condição de infectados.

Abraço

sideny disse...

Ainda ontem estive a ver a biografia, dela na televisao.

boa homenagem a esta grande senhora
que ao longo da sua vida, tem apoiado dos doentes com hiv.
beijocas

mariam disse...

Paulo,
bela e merecida homenagem a esta Mulher, que além de "Diva" é um belo ser Humano!

boa semana
um grande sorriso :)

mariam

AN disse...

Os Funcionários Públicos colcoados na mobilidade não vêem respeitados os seus direitos de cidadania
Ver:
http://mobilizados.blogspot.com

elvira carvalho disse...

Tem razão amigo. Ainda há muita inconsciência, e muitos jovens a pensar que só acontece aos outros.
Vim agradecer a sua visita e esclarecer um ponto. O Sexta, como os outros dois blogues, são livres e estão abertos a qualquer pessoa. NÃO TENHO GRUPOS OU CIRCULOS DE AMIGOS ESPECIAIS. O que lhe deve ter acontecido é ter entrado no Sexta amigos, que por defeito do bloger aparece como um blogue, mas não passa de uma extensão do Sexta-feira, onde guardo mimos dos amigos, e que me vi obrigada a criar porque o Sexta-feira estava muito pesado e havia muitos amigos a queixarem-se de que ele levava muito tempo a abrir.
Espero que tenha ficado esclarecido, e tenho muito gosto em vê-lo em qualquer dos meus espaços, até porque isso quer dizer que está bem.
Um abraço e uma boa semana.

Paulo disse...

Nela

Obrigado pela visita e pelo comentário.

Efectivamente, não tenho conhecimento desse filme, mas perante o que nos dizes, irei vê-lo sim, tão breve quanto possível.

Deixo-te um beijinho enorme e desejo-te toda a força, na causa que defendes, infelizmente, também tua.

Apelo a todos os leitores e amigos, para que visitem o teu canto, para que abraçem uma causa, que vitima infelizmente, muito mais pessoas do que a infecção pelo VIH, a cada dia que passa.

http://maisumbocadinho.blogspot.com

Uma boa semana.

Paulo disse...

Beto

Obrigado pela visita.

Sei muito bem a tua paixão pela Elizabeth assim como por tantas outras do mundo das artes.

Sempre foste um apaixonado por mitos.

Um abraço familiar.

Paulo disse...

m minha

Sempre a puxares a brasa à nossa sardinha.

:))

Não sejas assim, estas pessoas são boas pessoas mesmo, independentemente do seu grau de popularidade social.

Tatuado.

Paulo disse...

m minha

Sempre a puxares a brasa à nossa sardinha.

:))

Não sejas assim, estas pessoas são boas pessoas mesmo, independentemente do seu grau de popularidade social.

Tatuado.

Paulo disse...

Biby

Tens toda a razão. Na maioria da cabeça das pessoas, o VIH não lhes diz respeito, consideram a probabilidade um autêntico disparate.

Por isso aqui, e à maneira de como sabemos fazer, tentamos esclarecer todos os dias, de que o VIH, a qualquer momento, pode surgir, para ficar, nas suas vidas.

Um beijinho também, muito especial.

Paulo disse...

Lídia

Sim, de facto Elizabeth teve muito ligada a pessoas que foram entretanto infectadas, na altura, para grande supresa de muitos.

Espantosa a adesão de Elizabeth à causa, desde o primeiro dia, onde os medos eram reais, pelo desconhecimento daquilo que se sabe hoje.

Gosto muito dela.

Um abraço apertado.

Paulo disse...

Sideny

Concordo plenamente contigo.

Grande homenagem a Elizabeth Taylor. Outros se seguirão, espera para ver.

Beijoka gôda em ti.

Paulo disse...

mariam

Claro que sim, Elizabeth além de Diva é um belo ser humano.

A meu ver, perfeita, não obstante os defeitos que possa eventualmente ter, por ser também humana.

Uma boa semana e Obrigado pela visita.

Paulo disse...

an

Solidários com a vossa luta, mantemos o comentário para que quem pretender os possa também apoiar.

Todas as causas, as boas causas, merecem total adesão.

Uma boa semana.

Paulo disse...

Elvira

Obrigado pelo esclarecimento. Terá acontecido o que refere, sem que me apercebesse de tal.

As minhas desculpas.

Oportunamente, visitar os vários espaços em detalhe.

Obrigado pela visita.

Muita saúde e uma boa semana.

Fatyly disse...

É assustadora a falta de "consciência" por parte dos jovens, mas também por parte de muitos adultos já na casa dos 50/60 que fora de casa procuram algo mais sem se protegerem e contaminam as(os)companheiros(as).

A minha homenagem também a Elizabeth e já agora a Opra pela gigantesca campanha que faz na África do Sul junto de milhares de orfãos...também eles contaminados. JUlgo que o faz da mesma forma nos EUA.

Gostei imenso deste teu post e uma vez mais grito com raiva que em Portugal passam publicidade de tudo e quase nada, para nao dizer NADA, para a prevenção deste flagelo.

A esperança será a última a morrer e em breve será descoberta a solução deste puzzle terrível.

Obrigado Paulo e uma boa semana.

Beijos

f@ disse...

Parabéns pelo post... a tua "campainha" toca uma melodia sempre de escutar...
Bela homenagem à ET ...

Beijinhos a ti e ao Raul
das nuvens

Odele Souza disse...

Elisabeth Taylor. Uma bela mulher. A beleza dela o tempo não leva, porque está em sua alma. Que boito o trabalho que ela tem feito sobre a Aids.

Abraço.

f disse...

p

f disse...

Mas pk eliz.taylor e diva so pk criou algo para nos,porra isto e so uma doenca,nao fazam um reinado da sida e por favor publicem meu comentario

f disse...

como nao gosto ser anonimo e nao percebo nada de net sou o alkapone

alkapone
tasse bem
sim se pode

São disse...

Liz é a prova provada de que se pode ser lindissima por fora e por dentro!
Um abraço, grande.

Paulo disse...

Fatyly

A prevenção do VIH tem de estar sempre presente. Impera não haver cedências, nem uma sequer, sem protecção.

Se ocorrer um relacionamento desprotegido, ou um acidente, deverá obter-se uma consulta hospitalar, nas primeiras horas após a ocorrência, para que seja administrado o tratamento para evitar que o vírus se instale definitivamente em mais uma pessoa.

Particularmente, gosto muito de Elizabeth Taylor.

Um beijinho

Paulo disse...

F@

Fico contente por teres gostado.

:)

Um beijinho nas nuvens e volta sempre.

Paulo disse...

Odele

De facto é tal qual como diz, a beleza de Elizabeth permanece na enorme Alma que tem.

Um beijinho para Si e outro, do tamanho do mundo para Flávia.

Paulo disse...

Alkapone

Eliz.Taylor é diva por toda uma vida dedicada ao mundo das artes.

A causa da SIDA, à qual se dedicou também, acrescenta o enorme ser humano que Eliz demonstra Ser.

A SIDA é só uma doença, assim como todas as outras doenças, são só doenças também.

Mas o SÓ pode ser MUITO, também na SIDA.

Mas mais vale fazer algo, do que não fazer nada, seja pela SIDA, seja por que doença for.

Obrigado pela visita.

Paulo disse...

São

Pois claro, numa frase dizes tudo.

Absolutamente tudo.

Acrescento o agradecimento pela maturidade com que nos referes estas certezas.

Um beijo enorme para Ti.

Maria Dias disse...

Queridos amigos...

Esta mulher não é só bela por fora mas por dentro.Não sabia desta fundação,ela mostra q não é fútil ou egoísta(maravilhoso!).Bem, aproveio para lhes convidar( e a todos que quiserem ir...Todos os freqüentadores do Sidadania)a chegar até o meu Avesso.Tenho uma simples postagem ,mas q no fundo me lembrou vocês... Pessoas que não perdem a esperança na vida.

Beijo grande...

Maria

São disse...

Se me derem o gosto de aceitar , há flores para vó lá em casa.
Um grande abraço.


Oh, meu querido, não é maturidade: é velhice, rrrssss

ManDrag disse...

Salve! Paulo
Sentida e merecida homenagem esta, a uma mulher que soube ser mais que diva de cinema.
A admiração e emoção embargam-me a voz.
Abraço sentido.
Salutas!

elvira carvalho disse...

Passei. Desejo que esteja a recuperar, tão bem como se quer e deseja. Deixo um abraço e votos de bom fim de semana

Paulo disse...

Maria Dias

Desculpa mas tenho andado numa euforia por causa do trabalho.

Vamos ao teu blog sim.

Um beijinho muito amigo.

Paulo disse...

São

Já as recebemos de braços abertos.

Um beijinho enorme.

Paulo disse...

ManDrag

Nutro por Taylor, uma admiração constante.

Abraço-TE sempre!

Paulo disse...

Elvira

Obrigado pela visita.

Aos poucos, o Raul vai-se recompondo.

Um beijinho e obrigado pelo cuidado.

Bom fim de semana!

Paulo disse...

A todos,

O nosso muito OBRIGADO pela adesão a esta causa, nossa e vossa também.

Bem Hajam!!!

Tony Madureira disse...

Olá,

Ainda existem muitas boas pessoas no mundo, apesar de cada vez mais o mundo estar ganancioso.

Bem haja para as pessoas que se preocupam com as outras, com toda humanidade!


Abraço solidário.