Galardão Sidadania



Decidimos atribuir a comenda da Ordem da Solidariedade Sidadania, relativa ao mês de Abril, aos blogues "SOL POENTE" e "RISCOS DE VIDA", pela qualidade inequívoca com que fundamentam o seu conteúdo e pela generosidade inegável com que abraçam a causa da SIDA, fazendo dela, uma causa para a vida, de todos aqueles, a quem o tema é motivo de força maior, no que se refere, na sua essência, à prevenção, à desmistificação e à solidariedade com todos os infectados, afectados e população interessada por uma patologia, que a todos diz respeito, em todas as suas vertentes. O Sidadania congratula-se pela atribuição do presente prémio, cujo merecimento por parte dos blogues premiados, é motivo de orgulho constante para nós. Aproveitamos para agradecer o contributo prestado, contributo esse de inquestionável valia para o mundo contemporâneo.
Paulo

10 comentários:

SILÊNCIO CULPADO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sol poente disse...

Raul
O Sol Poente agradece o galardão e pede que o coloques em lugar de destaque num espaço que também é teu por excelência.
O Sol Poente existe para servir causas e a Sida é, sem dúvida, uma grande causa que anima este espaço a existir.
Abraço, abraço

Coragem disse...

Paulo, Agradeço o galardão, irei colocá-lo com imenso orgulho no meu blog Riscos de vida.
Sinto-me pequena, diante do vosso imenso gesto, limitei-me a dar um testemunho de vida, da minha vida e daquele que sofreu no corpo e na alma, marcas irreversiveis de um estigma que é sentido até aos dias de hoje.
Aproveito, para me disponibilizar, à homenagem que pretendiam, tendo com isso consciencia de poder contribuir à vossa causa.
Um beijo sincero

SILÊNCIO CULPADO disse...

Raul/Paulo
Dois galardões mais que merecidos.
É preciso continuar a desenvolver o espírito solidário que tem estado presente neste debate que continua em força.
E é bom que continuemos porque só agora me dou conta, nomeadamente através dos comentários dos visitantes no Silêncio Culpado, alguns relatando casos dramáticos, o quanto o problema da Sida ainda é assunto tabu.

Relativamente ao blogue Riscos de Vida quero deixar aqui o meu apreço pela luta desta irmã, de grande alma e afectividade, em memória do mano que pereceu vítima do HIV.
Abraço

amigona avó e a neta princesa disse...

Prémios bem merecidos! Raul o meu texto é muito simples...mas grande é a minha admiração por vocês...abraço...

Transplante de Cabelo disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Transplante de Cabelo, I hope you enjoy. The address is http://transplante-de-cabelo.blogspot.com. A hug.

RU2X disse...

A publicidade não solicitada infecta tudo.Deixei propositadamente o comentário anterior sem o apagar,para verem como eles invadem todo o mundo.Com a moderação de comentários estes anuncios são evitados, mas dá uma trabalheira do caraças ter de diáriamente ir ao mail várias vezes para autorizar os comentários.Claro que com a atitude de deixar este comentário publicado arrisco-me a que comecem a aparecer comentários deste género aos montes pois eles são organizados e registarão o nome do blogue como permissivo e daí toca a abusar. Vou deixar este como excepção, embora seja de pouca utilidade pois a Sida não faz cair o cabelo e os transplantes de cabelo não estão nas preocupações dos infectados.
Quando no futuro virem comentários eliminados pelo administrador já sabem... são referentes a levantarem os cabelos :)

São disse...

O Paulo ainda não me deu o gosto da sua presença.
No entanto,aqui lhe deixo a minha solidariedade!

Parabéns a quem o prémio foi atribuído.

Feliz fim de semana.

RU2X disse...

São
Vou puxar as orelhas a esse menino, ai vou...vou.... :).
Ele corrgirà essa falta em breve
Bjs Raul

Mário Relvas disse...

Olá Rui e Paulo,

Muitos dos que padecem das chamadas doenças segregadoras devem perguntar como olhavam os portadores de HIV ,antes de o terem contraído.
Na realidade somos muito solidários e revoltados quando nos bate à porta aquilo para o qual nunca ligámos.O ostracismo começa em nós.O que fazemos para aceitar os outros como eles são?Não podemos dizer mais que A SOCIEDADE É SEGREGADORA, sem reflectirmos que a sociedade somos todos nós.O que fazemos por mudar esta situação?

Saudações e um sorriso